quarta-feira, 8 de abril de 2009

terça-feira, 7 de abril de 2009

A Náufraga

"Sophie, uma cadelinha simpática australiana, sumiu do iate de seus donos, enquanto navegavam em mar agitado. Certos de que seu animal de estimação havia se afogado, deram como perdida a possibilidade de encontrá-la viva em alto mar. Incrivelmente o animal conseguiu nadar por cerca de 10 quilômetros, atravessando uma área cheia de tubarões, e chegando a ilha de St Bees, uma ilha de formação vulcânica cerada de recifes.
Após quatro meses foi encontrada por uma patrulha da guarda costeira.
Cachorra da raça Australian cattle dog, Sophie, desenvolvida em fazendas australianas, sobreviveu alimentando-se de caranguejos até aprender a caçar filhotes de cabras selvagens. "Ela foi avistada em St Bees e estava em mau estado até que, de repente, melhorou de aparência e foi aí que eles descobriram que ela estava comendo cabras", contou Jan Griffith, seu dono. "Ela tinha se tornado selvagem e feroz. Não deixava ninguém chegar perto ou tocar nela. Ela não aceitava comida de ninguém", acrescentou.
Depois de um grande reencontro, os donos de Sophie disseram que ela está se readaptando rapidamente ao conforto de sua casa.
Vida longa e próspera, Sophie!"


segunda-feira, 6 de abril de 2009

Nova integrante


"Eu sou a Meg, a nova integrante da família da Leny. Meu pai me encontrou perambulando, cheia de pulgas toda desnorteada. Devo ter me perdido dos meus outros irmãos, sabe como é, filhotes são xeretas e eu não fujo a regra. Ele não se fez de rogado, abriu o carro e me colocou pra dentro. A minha casa é pura diversão: tenho um irmão cachorro, dois irmãos gatos e dois irmãos gente, além do meu pai e da minha mãe. Estou no processo de tomar minhas vacinas, mas já tenho liberdade em casa pra brincar com meus iguais. Agora a dúvida é se eu crescerei muito ou não. Mas isso não importa muito. Minha família já me recebeu de todo coração, e isso é o que realmente importa!" Meg, mestiça posando para sua primeira foto.